segunda-feira, 24 de março de 2014






Porque  as vezes nos sentimos tão perdidos?
Porque se sentir tão fora do seu lugar?
Como se tudo a sua volta não se encaixasse?
Por vezes me sinto assim, uma peça a mais, um peça q não se encaixa naquela paisagem, o patinho feio em meio a cisnes, bem fora do contesto.
Ou me sinto ofendida por coisas que nem deveria sentir...
Porque certas palavras, ou comentários sobre coisas e assuntos que não tem nada haver com você incomodam?
Porque se sentir como se sua presença fosse um incomodo, porque de alguma maneira você não deveria estar ali, não pertence aquele mundo, aquele momento, aquela conversa, não deveria estar com aqueles pessoas, definitivamente seu lugar não é ali...
Muito ruim se sentir assim....
Dá um vazio  dentro da gente....
Algo esta errado, mas o que?
Meu jeito de pensar?
O meu modo de encarar a vida?
Ou simplesmente estou mais senssivel neste dia, hora ou momento?
Devo estar muito insegura de mim, do penso e acho... esta insegurança sempre me atrapalhou...
Porque será que sinto que incomodo ou que sou aceita por educação...

Sei que sou amada e respeitada por quem devo ser, mas porque sentir que por ser quem sou incomodo?


Mas espero por data nesta insegurança, que daqui a pouco tempo isso tudo mude.... mude para melhor, melhor para comigo mesma, onde isso tudo nada vai interferir em mim... embora uma coisa não dependa da outra, quero esta satisfeita comigo mesma, para não dar assas a insegurança, medos, e todas as coisas ruins q acabam por andar juntas...

Chega de olha para o horizonte a procura de um lugar onde pertença ou onde ninguém te julgue nem com atitudes, palavras ou cara de quem pensa ser melhor do que eu...se é que este lugar existe... quero olhar o horizonte e pensar no meu futuro e agradecer por tudo de bom que tenho na vida....

Agradecer eu já faço, mas falta uma parte de mim que não entra nestes agradecimentos...ainda não entra, mas vai entrar....

quarta-feira, 19 de março de 2014




Ai quanto tempo não venho aqui escrever!! Todos os dias tenho vontade de sentar e escrever algo, mas acabo adiando a ideia, ai passa a inspiração e pronto já não faço o q queria.

Bom vai fazer uma ano que meu pai faleceu, e de la pra cá eu me desleixei, não sei se teve haver, mas andei um bom tempo em viagem indo de uma cidade pra outro porque meu marido ficou um bom tempo trabalhando fora, e realmente me acomodei, parei de caminhar, não abandonei completamente a alimentação saudável, porque acho que uma vez iniciada não se volta a traz, mas deixei de comer menos e passeia comer mais, mesmo o que é saudável quando se come em excesso engorda. Voltei a comer muito nas refeições, a repetir, fazer grandes pratos, tenho comido menos salada, andei abrindo excessões  aos refrigerantes, lanches do Mc Donalds (q eu disse q não voltava a comer... terrível), tenho comido doces quando posso ou tem, em resumo DESLEIXO TOTAL E GERAL....

Me sinto mal sabendo q fiz isso tudo, e escrever esta me fazendo ver que esta na hora de voltar a mudar, voltar a hábitos saudáveis, mesmo porque posso se chamada para a cirurgia a qualquer momento, pois é, noticia boa disso tudo o meu processo foi aprovado, já tenho o protocolo da cirurgia de redução de estômago (depois vou escrever sobre isso também..preciso escrever mais)...

Ate ler que é uma coisa q eu gosto, anda sendo complicado, fico sentada ou deitada vendo TV e não tenho vontade de fazer mais nada...Tenho muito sono, mas durmo tarde e não consigo acordar cedo (bom isso sempre foi um problema), mas ando me sentindo muito cansada e desanimada, ate de conversar com minha amiga Carla não ando com vontade.

Realmente querendo me isolar do mundo, e isso não é bom, definitivamente não é bom....

Mas o bom de estar aqui escrevendo é porque fiz minha decisões, quero fazer mudanças, preciso emagrecer uma pouco porque estou pesando agora é muito mau para mim para quando for a cirurgia, já tenho dores nas costas e no joelho, e isso tem de mudar, já comecei em dias alternados fazer pequenas caminhadas, mas sozinha, estou querendo começar por mim antes de incluir algum nisso(no caso minha amiga Carla), me sinto sufocada, me sinto triste e sozinha, mesmo tendo todos ao meu lado.

Eu decidi que vou segui em frente, voltar a adquirir bons hábitos, para que a cirurgia q vou fazer ter melhor resultado.

Decidi muita coisa na minha cabeça, muitas coisas mesmo, e ficar só comigo mesma tem sido bom...vou começar uma nova pagina na minha jornada...mais madura espero e mais esperta e calma..vou explicando aos poucos, porque é muita coisa que passa na minha cabeça esta tudo confuso, mas sei pra onde quero ir....



Como diz a frase "O IMPORTANTE NÃO É A VELOCIDADE DA MUDANÇA E SIM O CAMINHO A SEGUIR!!"

E o caminha é longo....toca a caminhar...